COMO CONTROLAR O FLUXO DE CAIXA DE UM NEGÓCIO

Você sabia que o seu fluxo de caixa diz muito sobre a capacidade do seu negócio de gerar renda futuramente? Então, que tal aprender um pouco sobre como controlar o seu fluxo de caixa?

Mas antes, vamos entender um pouco sobre o que é o fluxo de caixa de uma empresa.

O FLUXO DE CAIXA

Trata-se de um método avaliativo fundamental para as empresas, no qual através dele é percebido se o empreendimento está estável e se há possibilidade de ir além do patamar atual em que ele se encontra.

Como já explicamos mais detalhadamente o que é Fluxo de Caixa, agora vamos pontuar como melhorar o controle dele a partir do entendimento do seu negócio, a sua capacidade de aprender com os erros e previsão de futuro.

Conheça agora as cincos dicas da CDS que irão permitir maior controle do fluxo de caixa do seu negócio.

ETAPA 0

Antes de iniciar qualquer técnica de controle, você precisa estar ciente de que toda movimentação financeira feita em seu negócio deve ser registrada assim que ela acontecer para que haja uma total coerência entre os débitos e créditos da empresa.

DELIMITE PERÍODOS

Antes de começar a planejar como será feito o controle do fluxo de caixa, delimite o período de tempo que será previsto e monitorado.

Então, que tal fazer essa previsão de 12 em 12 meses? Assim, você terá o saldo geral das ações feitas no decorrer do ano.

REUNA O SALDO DAS SUAS CONTAS

É importante que você tenha plena ciência do saldo existente na sua empresa referente as contas bancárias, cofre, caixa administrativo. Enfim, todo o dinheiro disponível na sua empresa que esteja a disposição dela para gastos fixos e variáveis.

Feito isso, anote este valor. Ele será crucial para o controle do fluxo de caixa.

REGISTRE TODOS OS DÉBITOS E OS CRÉDITOS

Sempre que anotar os valores, descreve a que ele é referente, ou seja, todas as contas que serão pagas aos fornecedores, e todas as contas que serão recebidas por seus clientes.

Para os casos de compra ou venda a prazo, é preciso ficar ciente dos vencimentos, evitando o pagamento de multas e juros por atraso, em caso de atrasos, e perda de capital com a negligência dos seus clientes.

A partir daqui, já podemos começar a ver se sua empresa está tendo lucro ou não.

MANTENHA SEU FLUXO DE CAIXA SEMPRE ATUALIZADO

Esse tipo de controle deve ser praticamente instantâneo, ou seja, anotar tudo no momento em que a ação acontecer, ou tentar ao máximo não esquecer de posteriormente anotar o ocorrido.

Não se permita cair nessa armadilha tão perigosa do “depois”. A correria do dia-a-dia infelizmente faz com que esqueçamos algumas atividades, por isso é preferível criar o hábito de transcrever todas as ações no momento em que ela ocorra para garantir um bom funcionamento do controle financeiro da sua empresa.

Assim, você poderá consultar seu fluxo de caixa a qualquer momento com a certeza de que os dados ali presentes estão corretos e atualizados.

ANALISE O SEU PLANEJAMENTO E CORRIJA-O SE NECESSÁRIO

Enfim, chegamos ao ponto em que, a partir dos dados coletados do seu fluxo de caixa atualizados, você poderá identificar com bastante antecedência o rumo que o seu dinheiro está tomando e o qual o futuro do seu empreendimento.

Possuir esse tipo de informação irá te ajudar a tomar decisões ainda mais assertivas e sabedoria para passar por momentos de dificuldades ou baixa.

Desta forma, concluímos que o segredo para manter o seu fluxo de caixa sempre positivo e controlado está na disciplina em registrar todos os eventos e movimentações financeiras.

Gostou do nosso conteúdo? Acesse nosso blog e fique sempre por dentro das novidades postadas.

CDS Sistemas,

Soluções inteligentes para o seu negócio.

gerenciati@totalmetrica.com.br10 de maio de 20190 comentários

Adicionar comentário