VOCÊ SABE QUAL A IMPORTÂNCIA DAS NFC-e PARA A SUA EMPRESA?

Já pensou em otimizar os processos burocráticos e trazer mais benefícios para o seu negócio?
A Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica vem para substituir a Nota Fiscal de venda e o cupom fiscal emitido pela empresa. Entretanto, você sabe o que é a NFC-e?

NFC-e
A NFC-e é um documento fiscal eletrônico emitido para o consumidor final alinhado diretamente às propostas do SPED fiscal com o objetivo de oferecer mais agilidade no repasse das informações fiscais, e na fiscalização e combate à sonegação de impostos.
Desta forma, a NFC-e passa a substituir a importância da Nota Fiscal de venda e o cupom fiscal, sendo ela um documento impresso em impressora comum, sem a necessidade de permissão ou compra específica de algum equipamento para emissão.

Emissão
Mas, você sabe como emitir a NFC-e?
Antes de mais nada, é preciso entender que esse documento fiscal é 100% eletrônico e a sua existência é apenas para fins tributários e só se materializam virtualmente com base nos preceitos do SPED. Sendo a sua versão em papel apenas um espelho das informações resumidas, e não a nota na íntegra.

Vantagens e requisitos
• Dispensa o uso de Equipamento Emissor de Cupom Fiscal;
• Precisa estar em dia com a Inscrição Estadual;
• Precisa ter computador com conexão à internet;
• É preciso ter o Certificado Digital de Pessoa Jurídica, com o número do CNPJ vigente;
• Credenciamento na SEFAZ e sua permissão do órgão da Fazenda;
• Definição do Código de Segurança do Contribuinte, concedido pela SEFAZ;
• Compatibilidade com o Software emissor da NFC-e.

Autorizações necessárias
Para que a sua empresa possa começar a emitir NFC-e ela precisa estar credenciada a Secretaria de Fazenda do seu Estado e, além disso, a sua empresa precisará ter uma assinatura eletrônica reconhecida e formalizada. Dentre os órgãos responsáveis pela validação dessa assinatura são:
• Caixa Econômica Federal;
• Certisign;
• Serasa Experian;
• Docusign.
Estando esse processo descrito no Manual para Assinatura Digital.

Credenciamento
Já, em relação ao credenciamento com a SEFAZ, para permissão da NFC-e, é preciso buscar a Secretaria do seu Estado, pois cada uma dela possui as suas regras e procedimentos diferentes. Então, basta acessar o site do órgão Estadual pertinente a sua criação.

Integração
Considerando que a NFC-e é um documento fiscal eletrônico que tem como objetivo facilitar a fiscalização, é de suma importância a necessidade de que haja um software eficaz que possua esse tipo de funcionalidade.
Pois, quando a empresa não conta com dispositivos e softwares adequados para a emissão de NFC-e, no que se diz respeito à frente de caixa, o repasse de informações à contabilidade pode estar em risco, uma vez que não está havendo sincronismo fiscal com o seu software.

Softwares online com NFC-e
Foi por isso que, percebendo esse tipo de necessidade nas empresas, a CDS Sistema conta com softwares completos e específicos, além da implementação da NFC-e ao seu negócio.
Dê mais estabilidade a sua empresa, atendendo a todas as exigências de controle de emissão de notas, assegurando tanto o seu negócio, quanto o seu contador. Além de facilitar todo o fluxo fiscal, deixando ele mais simples, e beneficiando essa relação contábil.

Fique por dentro das novidades a respeito da NFC-e e mantenha a estabilidade fiscal da sua empresa.

CDS Sistemas,
Soluções inteligentes para o seu negócio.

gerenciati@totalmetrica.com.br10 de maio de 20190 comentários

Adicionar comentário